Penúltima reunião ordinária do MAPP Crato faz avaliação minuciosa dos projetos e ações da gestão municipal

  • 23/10/2018

Uma gestão eficiente requer um planejamento estratégico, com acompanhamento e avaliação solidificados e realizados rotineiramente, seja no setor privado, seja no público. É este o conceito que pauta a gestão do prefeito Zé Ailton Brasil e, por isso, a adoção da metodologia do MAPP (Sistema de Monitoramento de Ações e Projetos Prioritários) tem possibilitado encontros mensais como o de ontem (22), para que toda a equipe gestora discuta e trace os próximos passos dos projetos, bem como revejam os problemas e pensem nas soluções.

A penúltima reunião de 2018 reuniu todo o secretariado municipal, no auditório da Secretaria de Educação, coordenados pelo professor Wilton Bessa, Mestre em Administração de Empresas pela Universidade Estadual do Ceará (UECE) e Secretário Executivo do Fórum Clóvis Beviláqua (TJCE) e pelo próprio prefeito. A metodologia adotada foi de que cada secretário apresentasse seus MAPPs e a discussão com os demais colegas.

O professor Wilton Bessa sugeriu que, especificamente, neste momento de finalização de mais um ano, todos os gestores potencializem os projetos para o próximo período. “O MAPP serve para potencializar o que vocês devem fazer diariamente”, comentou.

O Secretário de Finanças e Planejamento, Carlos Eduardo Marino, ressaltou o trabalho de cada colega e fez um resumo geral do ranking das implementações das ações. Informou ainda que o Crato ocupa, hoje, a primeira colocação no ranking do interior do Estado quanto ao volume de recursos federais investidos no município”. Em seguida, abriu a fala para cada secretário, que recebeu a contribuição de todos os presentes.

Após apresentação de cada pasta, Zé Ailton Brasil agradeceu o comprometimento dos secretários e técnicos e lembrou que “a colaboração de todos é dada ao município para tornar a sociedade cada vez melhor”. Ele ressaltou ainda que, “sem o MAPP, não seria possível realizar tantas atividades ao mesmo tempo. É uma ferramenta que veio para ficar e temos que trabalha-la no dia a dia”. O gestor pediu ainda que “o trabalho inter setorial seja cada vez mais fortalecido, para que possamos contribuir um com o outro e conquistarmos um município diferente”, frisou.

Compartilhar:

Fotos