O Município

Dados do município

Dados do município/localização

Fundação: 21/06/1853
Emancipação Política: 21/06
Gentílico: CRATENSE
Unidade Federatíva: CEARÁ
Mesoregião: SUL
Microregião: CARIRI
Distância para a capital: 512,00

Dados de características geográficas

Área: 1.176,00
População estimada: 133000
Densidade: 104,87
Altitude: 426
Clima: TROPICAL QUENTE SEMI ÁRIDO BRANDO
Fuso Horário: +3H
Antes de seu descobrimento, ocorrido nas últimas décadas do século XVII, a região era habitada pelos belicosos índios cariris, descendentes remotos dos primeiros imigrantes protomalaios chegados às costas americanas do Pacífico, e que se estabeleceram no sul do Ceará no século IX ou X.
A partir de 1714, o futuro município começou a receber colonizadores vindos da Bahia, de Sergipe e Pernambuco, atraídos pela paisagem e fertilidade do solo, “em cujos sesmos se instalaram por acostamento ou compra”.
A vida pastoril dominou a região até o ano de 1750, época em que tiveram início as instalações dos primeiros engenhos, vindos de Pernambuco. Data daí o desenvolvimento industrial da cana-de-açúcar, criadora da aristocracia rural do Cariri.

O topônimo Crato vem do latim curatus, que significa padre ou designação de lugares com condições de tornar-se paróquia, podendo ser uma alusão a:

a vila portuguesa de Crato, no Distrito de Portalegre, região Alentejo e sub-região do Alto Alentejo;
Curato de São Fidélis de Sigmaringa, que corrompeu-se depois para Curato de São Fidélis, Curato, Crato.

Já o topônimo Miarada é uma alusão a um dos chefes da tribo do Kariri, batizado com esse nome.
Sua denominação original era Missão do Miranda, depois Missão dos Cariris Novos, Aldeia do Brejo Grande e Vila Real do Crato e, desde 1842, Crato.

Fonte: IBGE

Sem informações até o momento

Distrito criado com a denominação de Crato, pela Provisão de 06-01-1768 e Ato de 18-03-1842.
Elevado à categoria de vila com a denominação de Crato, em 17-08-1763, com sede em Aldeia do Brejo.
Elevada à condição de cidade com denominação de Crato pela Lei Provincial n.º 628, de 17-10-1853.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município é constituído do distrito sede.
Pela Lei Estadual n.º 2.359, de 26-07-1926, o distrito de Quixará deixa de pertencer ao município de Santana do Cariri, sendo anexado ao município de Crato.
Pelo Decreto Estadual n.º 1.156, de 04-12-1933, o município de Crato adquiriu os extintos municípios de Ipueiras, Lameira e Monte Pio. Sob o mesmo Decreto é criado o distrito de Buriti e anexado ao município de Crato.
Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município aparece constituído de 6 distritos: Crato, Buriti, Ipueiras, Lameiro, Monte Pio, Quixará.
Assim permanecendo em divisões territoriais datadas 31-XII-1937.
Pela Lei n.º 268, de 30-12-1938, são desmembrados do município de Crato os distritos de Quixará e Monte Pio, para formarem o novo município de Quixará.
Pelo Decreto Estadual n.º 448, de 20-12-1938, o distrito de Ipueiras passou a denominar-se Dom Quintino. Sob o mesmo Decreto é criado o distrito de Santa Fé com terras desmembradas dos distritos de Dom Quintino e Lameiro, ambos do município de Crato.
No quadro fixado para vigorar no período de 1939 a 1943, o município é constituído de 5 distritos: Crato, Buriti, Dom Quintino, Lameiro e Santa Fé.
Pelo Decreto-lei Estadual n.º 1.114, de 3-12-1943, o distrito de Buriti passou a denominar-se Muriti.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o município é constituído de 5 distritos: Crato, Dom Quintino, Lameiro, Muriti ex-Buriti e Santa Fé.
Pela Lei Estadual n.º 3.931, de 26-11-1957, é criado o distrito de Ponta da Serra com terras desmembradas dos distritos de Santa Fé e Dom Quintino.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído 6 distritos: Crato, Dom Quintino, Lameiro, Muriti, Ponta da Serra e Santa Fé.
Pela Lei Estadual n.º 6.696, de 18-10-1963, é desmembrado do município de Crato o distrito de Dom Quintino, elevado à categoria de município.
Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 5 distritos: Crato, Lameiro, Muriti, Ponta da Serra e Santa Fé.
Pela Lei Estadual n.º 8.339, de 14-12-1965, o município de Crato adquiriu o extinto município de Dom Quintino como distrito.
Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído de 6 distritos: Crato, Dom Quintino, Lameiro, Muriti, Ponta da Serra e Santa Fé.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1991.
Pela Lei Municipal n.º 1.433, de 08-05-1991, é criado o distrito de Padre Cicero e anexado ao município de Crato.
Em divisão territorial datada de 1993, o município é constituído de 7 distritos: Crato, Dom Quintino, Lameiro, Muriti, Padre Cícero, Ponta da Serra e Santa Fé.
Pela Lei Municipal n.º 1.540, de 05-05-1994, foram criados os distritos de Baixio das Palmeiras, Belmonte, Campo Alegre, Monte Alverne e Santa Rosa e anexados ao município de Crato. Sob a mesma Lei o distrito de Padre Cícero passou a denominar-se Bela Vista e foram extintos os distritos de Muriti e Lameiro.
Em divisão territorial datada de 1995, o município é constituído de 10 distritos: Crato, Baixio das Palmeiras, Belmonte, Campo Alegre, Dom Quintino, Monte Alverne, Bela Vista, Ponta Serra, Santa Fé e Santa Rosa.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2014.

Sem informações até o momento

HINO

Flor da terra do sol
Ó berço esplêndido
Dos guerreiros da "Tribo Cariri"
Sou teu filho e ao teu calor
Cresci, amei, sonhei, vivi.

Ao sopé da serra, entre canaviais
Quem já te viu, ó não te esquece mais!
Para te exaltar, ó flor do Brasil
Hei de te cantar, meu Crato gentil
Ó coração do Ceará
Comigo a nação te cantará!

No teu céu linda brilha estrela fúgida
Que há cem anos norteia o teu porvir
Crato amado, idolatrado
Teu destino hás de seguir
Grande e forte como nosso verde mar
Bendita sejas, ó terra de Alencar!

Para te exaltar, ó flor do Brasil
Hei de te cantar, meu Crato gentil
Ó coração do Ceará
Comigo a nação te cantará.
Letra: Martins D'Alvarez
Melodia: Joaquim Cruz Neves

BRASÃO DO CRATO


BANDEIRA DO CRATO


NOTÍCIAS

#Administração | 21 DE JUNHO DE 2021

O prefeito Zé Ailton Brasil e o secretário municipal de Cultura, Amadeu de Freitas lamentam profundamente o falecimento da servidora Tania Rejane Pereira Alves que por muitos anos desenvolveu um excelente trabalho na Biblioteca Municipal do Crato.Á família e aos amigos, n [...]

#Saúde | 20 DE JUNHO DE 2021

A Secretaria de Saúde do Crato informa que até este domingo (20), o município notificou 44353 pacientes, sendo 15062 casos confirmados, 28919 descartados, e 372 aguardam o resultado dos exames.Entre os casos confirmados, 13797 já estão recuperados.Entre casos suspe [...]

#Cultura | 20 DE JUNHO DE 2021

Dentro das comemorações alusivas aos 257 anos do Crato, foi realizada na manhã deste domingo, 20, missa em ação de graças, celebrada pelo Arcebispo de São Luís, Dom Gilberto Pastana, que na ocasião recebeu homenagens pelos relevantes ser [...]

#Cultura | 20 DE JUNHO DE 2021

A Prefeitura Municipal do Crato dá prosseguimento às comemorações pelos 257 anos da cidade, que acontecem durante todo o dia desta segunda-feira, 21 de junho, data do aniversário da cidade. Uma missa e homenagens pelas mais de 200 vítimas da Covid-19, aconte [...]

#MeioAmbiente | 18 DE JUNHO DE 2021

O município do Crato foi destaque no jornal Valor Econômico, na edição do dia 15 de junho, pelo projeto de Leilão e Concessão do Serviço Público de Coleta, Transporte, Tratamento e Destinação Final de Esgotos Sanitários do m [...]

Qual o seu nível de satisfação com essa página?


Muito insatisfeito

Um pouco insatisfeito

Neutro

Um pouco satisfeito

Muito satisfeito