Organizações e comunidade se unem para plantar árvores frutíferas no Crato

  • 05/07/2019

O espaço urbano pode ser um ambiente de alimentação saudável. É com essa ideia que os moradores da comunidade do Gesso, juntamente com a Prefeitura do Crato, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Territorial, Coletivo Camaradas, Geopark Araripe, SAAEC, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), ONG Nova Vida, Espaço Casa Tempo, e o Museu Escola de Artes Raimunda de Canena, estão desenvolvendo o plantio de árvores frutíferas nas margens da linha férrea, formando um cinturão verde.

O Cinturão Verde visa reduzir os impactos ambientais, como aumento da temperatura, poluição sonora e a trepidação ocasionada pelo metrô. Outra preocupação é a questão da urbanização social, a partir desse trabalho é possível possibilitar o acesso às frutas, educação ambiental, ambientes de convivência comunitária e saudáveis.

A área já conta com uma variedade de frutíferas, como é o caso da acerola, pinha, amora, azeitona, noni, caju, goiaba, manga, pitanga e juá, além de algumas plantas medicinais.

No dia 23 de julho, pela manhã, a partir das 9h, será realizada uma ação de plantio e um momento de distribuição de plantas medicinais.

Essa deverá ser uma das áreas mais verdes e frutíferas do espaço urbano da cidade do Crato e servir de inspiração para outras experiências de urbanização social.

Compartilhar: