Comissão Intersetorial do Selo UNICEF em Crato analisa relatório de linha de base da Edição 2017-2020 com a equipe de Saúde

  • 20/02/2019

Representantes da equipe do Selo UNICEF Crato e da Secretaria de Saúde realizaram reunião com o tema “Avaliar é preciso, solucionar também”, no último dia 15 de fevereiro. O objetivo foi debater os indicadores sinalizados no último relatório da linha de base, encaminhado pelo UNICEF.

Segundo a articuladora do Selo no município, Sandra Maria Costa, “o relatório trata de 11 indicadores de impacto social, sendo seis da área da saúde. Nele, os municípios são ordenados e agrupados considerando o desempenho e cada indicador”.

Vale destacar que os indicadores de impacto social na saúde são: Percentual de nascidos vivos de meninas de 10 a 14 anos; Percentual de gestantes com sífilis realizando tratamento adequado; Percentual de óbitos de mulheres em idade fértil (MIF) investigados; percentual de crianças menores de cinco anos com peso alto para idade.

Participaram do processo de análise os representantes da saúde; a articuladora do Selo e a representante da Secretaria Municipal do Trabalho e Desenvolvimento Social (SMTDS), Luiza Maria Vieira. Na oportunidade, a Coordenadora da Atenção em Saúde, Deborah da Conceição, falou dos índices destacando o quadro situacional e ações que vêm sendo realizadas.

A gerente da Célula Epidemiológica e Imunização, Daniele Norões Mota, enfatizou a importância da utilização de estratégias mais eficazes para melhorar cada vez mais os índices, verificando com maior atenção os percentuais que constam na linha de base acerca dos indicadores de impacto e possibilidades de melhorias mais significativas. Opinaram ainda as coordenadoras de Células da Atenção Básica, Teresa Maria Bezerra Ferreira e Adriana Sousa, a coordenadora do PSE, Tateane Nogueira e demais técnicos.

Compartilhar: