CRAS Alto da Penha, em parceria com o SENAC, conclui curso de maquiador profissional

  • 10/10/2018

O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Alto da Penha concluiu na tarde da última sexta-feira (5), o curso de Maquiador(a) profissional ministrado pelo SENAC (Serviço Nacional do Comércio), através do Programa Senac de Gratuidade, em parceria com a Secretaria Municipal do Trabalho e Desenvolvimento Social (SMTDS).

A solenidade de conclusão foi realizada no SENAC e contou com a participação da coordenadora do CRAS Alto da Penha, Aurifrança Rocha; da Assistente Social, Fabiane Matos e do representante do SENAC Crato/CE, Eugênio Silva, além de todas as alunas que concluíram o curso.

O mesmo, realizado na sede do CRAS, teve duração de dois meses, e as aulas foram ministradas pelo professor Irlando Lima, contemplando 18 usuárias da Proteção Básica, com carga horária de 160 horas/aula.

A coordenadora do CRAS, Aurifrança Rocha, representou a gestora da SMTDS, Edivania Gonçalves, ressaltando a importância da parceria firmada entre SENAC e CRAS. “O curso foi uma grande oportunidade para viabilizar a inserção desses alunos no mercado de trabalho. Acredito que esse será o inicio de tantos outros projetos que iremos realizar em parceria com o SENAC”, disse a coordenadora.

Eugênio Silva, representante do SENAC, expôs seu contentamento em poder ver a conclusão do curso, a relevância da capacitação e afirmou que a parceria com o SENAC continuará, e que tão logo, mais cursos gratuitos poderão estar sendo disponibilizados novamente no CRAS.

A Assistente Social Fabiane Matos, técnica do CRAS Alto da Penha, ressaltou a importância do curso para o empoderamento feminino, o aumento da autoestima e a oportunidade de geração de renda para suas famílias. Relatou também que no decorrer do curso, as participantes tiveram a oportunidade de assistirem a palestras e poder na prática expor os conhecimentos adquiridos nas aulas teóricas.

A jovem Emilayne, uma das alunas do curso de maquiadora profissional, agradeceu a oportunidade que o CRAS e o SENAC proporcionaram para a sua capacitação profissional e se dispôs a ser multiplicadora voluntária do que aprendeu nos grupos do PAIF e SCFV desenvolvidos no CRAS.

Compartilhar: