Crato presente na formação da primeira turma descentralizada do Curso de Aperfeiçoamento EpiSUS Fundamental

  • 06/06/2018

O EpiSUS é um treinamento em serviço, que tem como propósito capacitar profissionais na área de epidemiologia de campo de modo a potencializar a capacidade de resposta às emergências em saúde pública.

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) e a Escola de Saúde Pública do Ceará (ESP/CE), através do Centro de Educação Permanente em Vigilância da Saúde (Cevig), encerraram ontem terça-feira, 5 de junho, em Juazeiro do Norte, a primeira turma descentralizada do Curso de Aperfeiçoamento EpiSUS Fundamental, que está formando 18 profissionais para resposta oportuna em situações de surtos e emergências em saúde pública nos municípios.

O curso compreendeu as cinco regiões de saúde da Macrorregião do Cariri para a formação de profissionais para os municípios de Crato, Juazeiro do Norte, Barbalha, Icó, Iguatu, Missão Velha, Caririaçu, Porteiras, Brejo Santo e Milagres.

Os concludentes são profissionais que atuam em saúde pública nos municípios, com atividades relacionadas à coleta de dados de vigilância em saúde, monitoramento, análise e resposta oportuna.

As participantes que representaram a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) do Crato foram: a Secretária Adjunta da Saúde, Milenna Brasil; a Gerente da Célula da Vigilância Epidemiológica e Imunização do Crato, Danielle de Norões; e a Coordenadora Especial de Vigilância em Saúde, Arlene Sampaio.

Realizado em parceria com a Coordenadoria de Promoção e Proteção à Saúde da Sesa (Coprom).

De acordo com a enfermeira Danielle de Norões, o curso objetiva edificar uma rede de vigilância proativa e de resposta oportuna e coordenada, com ênfase em situações de surtos e emergências em saúde pública. A capacitação teve carga horária de 180 horas, distribuídas em encontros presenciais e atividades de ensino e aprendizagem no ambiente de trabalho.

A Secretaria da Saúde do Ceará vislumbra dar sequência ao curso, com a capacitação de novas turmas para garantir a presença de profissionais formados pelo EpiSUS-Fundamental em todas as regiões de saúde e na maioria dos municípios do Estado.

O intuito é capacitar profissionais de saúde para adquirirem ou aperfeiçoarem habilidades epidemiológicas para realizar vigilância eficiente, investigar casos, responder a surtos e outros eventos de saúde e realizar comunicação em saúde pública.

*Com informações do Governo do Estado do Ceará

Compartilhar:

Fotos