Tem início Curso de Leitura e Escrita Braille na Biblioteca Pública do Crato

  • 29/05/2018

Professores, instrutores e profissionais que atuam em bibliotecas públicas dos municípios do Centro Sul e Cariri iniciaram ontem, 28 em Crato, o Curso de Leitura e Escrita Braille, através de projeto desenvolvido pela Biblioteca Pública do Crato, equipamento este da Secretaria de Cultura, em parceria com o Sistema Estadual de Bibliotecas.

“O objetivo é que estes profissionais atendem o público deficiente em seus locais de trabalho e difundido também o braille em seus municípios”, explica Maria Lúcia Pontes Frota, uma das instrutoras do curso, complementando que além desta semana intensiva de aulas práticas e teóricas, os participantes deverão ser acompanhados à distância.

“Só assim mudaremos a perspectiva dos deficientes em todo o Ceará”, conta Marcos Rodrigues, ressaltando a importância social do curso. “A pessoa com deficiência quando passa a ter todo esse atendimento, acesso à informação, ao conhecimento, vivencia realmente a inclusão. Esta é uma semente que estamos plantando para que a sociedade abra os olhos da cultura e da acessibilidade como um direito de todos”, complementa.

Rayara Goes, de 23 anos, que veio de Assaré, atua na Brinquedoteca Pública Municipal e ainda em outros projetos sociais do município. Para ela, este é um momento de expandir seus conhecimentos e também levar novidades para a sua cidade. “É importante repassarmos para quem não tem conhecimento. A gente ver o braille em vários lugares, nos caixas de banco, por exemplo, e não sabemos o que significa. Aprendendo a gente começa a ajudar melhor a nossa população”, ressaltou.

E este é um dos objetivos do projeto, promover ações voltadas para políticas educacionais inclusivas, que resultem na promoção do acesso e permanência dos alunos com deficiência sensorial ou cego, que frequentam as bibliotecas públicas ou demais instituições, garantindo qualidade no processo de ensino e aprendizagem e inclusão sociocultural.

Compartilhar:

Fotos